PNUD lança editais de processo seletivo para contratação de consultor

Publicado em: 13/01/2020 - 14:56

Início » CONCURSOS E SELEÇÕES » EDITAIS CHAMAMENTO PÚBLICO » Notícias » PNUD lança editais de processo seletivo para contratação de consultor

DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO

Publicado em: 13/01/2020 Edição: 8 Seção: 3 Página: 6

Órgão: Ministério da Cidadania/Secretaria Executiva

EDITAL Nº 1/2020PROJETO DE ORGANISMO INTERNACIONAL – PNUD/BRA/12/006

CONTRATA NA MODALIDADE PRODUTO

OBJETIVO/VAGA: Analisar o funcionamento do Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI) e propor orientações metodológicas com parâmetros de funcionamento nacional, no âmbito do Projeto PNUD BRA/12/006 Apoio à Gestão Descentralizada do SUAS. 01 (uma) VAGA.

QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL: Graduação em Ciências Sociais aplicadas e/ou Ciências Humanas; Pós-Graduação na área de Ciências Sociais aplicadas ou Ciências Humanas; e Experiência mínima de 3 (três) anos na execução ou gestão da Política de Assistência Social em qualquer esfera governamental (União, Estado, DF ou município).

O termo de referência está disponível no sítio: http://mds.gov.br/acesso-a-informacao/institucional/internacional/editais-pessoa-fisica. Os interessados deverão enviar o currículo a partir do dia 12/01/2020 até o dia 19/01/2020 para o endereço: sedpi.pnud12006@cidadania.gov.br (exclusivamente). O currículo deverá ser enviado em formato PDF, no modelo disponível no sítio (http://mds.gov.br/acesso-a-informacao/institucional/internacional/editais-pessoa-fisica), bem como o número do edital deverá ser informado no campo assunto – e-mails que não atenderem a tais requisitos serão desconsiderados. Em cumprimento ao disposto no Decreto n.º 5.151 de 22 de julho de 2004, as contratações serão efetuadas mediante processo seletivo simplificado (análise de currículo), sendo exigida dos profissionais a comprovação da habilitação profissional e da capacidade técnica ou científica compatível com os trabalhos a serem executados. “É vedada a contratação, a qualquer título, de servidores ativos da Administração Pública Federal, Estadual, Municipal ou do Distrito Federal, direta ou indireta, bem como de empregados de suas subsidiárias e controladas, no âmbito dos acordos de cooperação técnica internacional”.

EDWARD LÚCIA VIEIRA BORBA

Diretor de Cooperação Técnica

Este conteúdo não substitui o publicado na versão certificada.