Ministro afirma que Brasil pode ampliar parceria com Bienalsur

Bienal Internacional de Arte Contemporânea da América do Sul pode ter a edição 2019 mais ampla

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, debateu, na última quinta-feira (27), a ampliação da parceria com a Bienal Internacional de Arte Contemporânea da América do Sul (Bienalsur). Terra esteve reunido em Buenos Aires, na Argentina, com o diretor geral do evento, Aníbal Jozami.

Em 2017, mais de 400 artistas e curadores participaram, e a expectativa é de que a edição de 2019 seja ainda mais ampla. Devem participar mais de 450 artistas em 112 sedes, 45 cidades de 21 países. No Brasil, a Bienalsur vai inaugurar uma mostra dia 16 de julho na Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro. A mostra vai abrigar a obra Draw Me a Flag, um projeto idealizado pelo francês Christian Boltanski que reúne 31 bandeiras feitas por artistas de vários países.

As exposições são realizadas em diferentes museus, centros culturais, edifícios e áreas públicas. O objetivo é gerar uma rede global de colaboração artística que elimine distâncias e fronteiras.

registrado em:   
Não existe nenhum curso configurado com o id 831,845